FRETE GRÁTIS PARA PEDIDOS A PARTIR DE R$299 - ATENÇÃO: ATRASOS NAS ENTREGAS PODEM OCORRER POR CONTA DA PANDEMIA
Pretumel de chama e gozo - Antologia da poesia negro-brasileira erótica, org. Cuti & Akins Kintê
Pretumel de chama e gozo - Antologia da poesia negro-brasileira erótica, org. Cuti & Akins Kintê

Pretumel de chama e gozo - Antologia da poesia negro-brasileira erótica, org. Cuti & Akins Kintê

“Como nos vemos? Nos amamos? Nos relacionamos? Nos desejamos?” É desses questionamentos, nas palavras de Akins Kintê, que nasce Pretumel de chama e gozo, livro que reúne poemas de 40 artistas, mulheres e homens, a partir do entrecruzamento entre o erotismo e a identidade negro-brasileira. Em entrevista, Kintê, um dos organizadores da antologia, afirma que a iniciativa desdobra-se de um movimento maior de reconhecimento e emancipação dos corpos negros — corpos que desejam, amam, gozam, vivem em autonomia.

Kintê relembra que, no Brasil, existe uma literatura que perpassa o tema do erotismo e da sexualidade sob a perspectiva da identidade negra — como os textos do incrível Solano Trindade ou a série ‘Cadernos Negros’, publicada em 1978 e que deu origem ao grupo Quilombhoje. (dentre os poemas eróticos que integram o ‘Cadernos Negros’, vale mencionar ‘Ejacoração’, de Jamu Minka e ‘Mar Glu-Glu’, de Cuti, também organizador de Pretumel de chama e gozo.) Em 2011, o próprio Kintê publicou, junto de Nina Silva, InCorPoros - Nuances de Libido. Pretumel é fruto do desejo de reunir esse material em uma publicação única, construída a partir de diferentes vozes.

Além dos poemas, o livro conta com dois textos de fechamento: “Biografia do prazer” reúne breves considerações dos autores sobre o prazer sexual; “Conversa como posfácio” apresenta um diálogo entre os organizadores sobre a questão racial no Brasil e a importância de se erradicar a visão estigmatizada e preconceituosa sobre corpos negros e o direito ao prazer e ao amor. Pretumel de chama e gozo leva a discussão sobre prazer e sexualidade a um outro patamar: seus escritos são o testemunho da liberdade, da reflexão sobre o belo, do reconhecimento como ser (auto-)desejado. aqui, o erótico é, em sua totalidade, político.

Orelha Livros para Nuasis

R$ 32,00

Produto indisponível

banner inferior home